Na próxima terça-feira, dia 7 de Julho, pelas 10h30, no Largo da Igreja Matriz em Caminha, o PDR e o C & G – Compromiso por Galicia (GALIZA) -, irão assinar um protocolo que estabelece um compromisso pela criação de uma euro-região Atlântica Europeia poderosa e potente, na base de uma cidadania europeia e sobre um “Axis Atlântico” com poder e potência mundial.

O PDR e o C&G emitiram o seguinte comunicado conjunto:

COMUNICADO CONJUNTO PDR – C&G

A pandemia da Covid-19 apresentou-nos novos desafios e tirou da gaveta muitos outros que estavam parados há anos. Na refundação da União Europeia é necessário aos territórios agirem com autonomia nas suas tomadas de decisões e com recursos próprios na implementação das políticas comuns.
No incerto futuro da UE, agravado no cenário da Pandemia Mundial do coronavírus, enfrentamos o desafio da refundação do projeto europeu, como centro de políticas sociais, como centro de valores de democracia, cultura e liberdade. Os valores do europeísmo são agora, neste tempo precisos, necessários e fundamentais para não abandonar ninguém à sua sorte.
É imperativo termos uma União Europeia a liderar as políticas de prosperidade e bem-estar no mundo, como pólo de progresso e de luta contra as alterações climáticas. Um “Green Deal” que torne a Europa forte no mundo e líder nas soluções contra os novos desafios que tem por diante a humanidade.
Para isto, temos de trazer para a frente uma União Europeia dos cidadãos, das regiões e das metrópoles que formam esta Europa, ultrapassando a actual União Europeia dos estados-nação e chegando a uma União Europeia com muito mais soberania da cidadania e dos territórios.
É fundamental trazer a democracia para a frente na UE, assim como é fundamental enfrentar a mensagem eurófoba que está a estender-se na Europa.
Juntamente com os nossos colegas europeus do Partido Democrata Europeu, PDE/EDP European Democratic Party temos de desenvolver umas fortes linhas políticas que façam um futuro para uma mais e melhor
Europa:

– CONSTRUIR UMA FORTE EURO-REGIÃO GALIZA-PORTUGAL:
Alongando o relacionamento entre a Galiza e Portugal inteiro, e não somente com o Norte. A estrutura atual construída na década de 90 do século passado foi ultrapassada pela própria relação entre a Galiza e Portugal e os fluxos sociais, culturais e económicos que superam em muito o estreitamento com que nasceu este relacionamento. Neste sentido tornar-se-á prioritário os fundos europeus serem destinados aos programas e não aos estados membros.
– RECUPERAR INFRAESTRUTURAS CHAVE E PARTILHAR INVESTIMENTOS
A ligação por caminhos de ferro entre a Galiza e Portugal tem de chegar ao século XXI, procurando uma ligação imediata de alta velocidade no eixo Vigo-Porto. Atempadamente há que planificar um sistema de conexões aéreas complementares entre a Galiza e Portugal com o resto do mundo, procurando colaborações e não competências nas políticas aeroportuárias.

– SISTEMA SANITÁRIO CONJUNTO PARA A EURO-REGIÃO
Numa Europa unida não faz sentido duplicar instalações sanitárias a um lado e a outro de uma
fronteira que nunca devia de ter existido. É necessário, mais agora neste contexto de pandemia mundial, ter todos os serviços sanitários possíveis ao serviço da população, com independência em relação ao lado da fronteira em que vivemos.

– SISTEMA EDUCATIVO COMUM
Temos de procurar o uso efectivo das ferramentas actuais ao dispor como podem ser os Erasmus+.
Se bem, temos de aprofundar o conhecimento mútuo e a consciência comum entre portugueses e galegos, encontrando mais mecanismos de contacto e procurando uma maior aproximação, tanto em matérias comuns como em experiências partilhadas.

É nesta base que podemos criar uma euro-região Atlântica Europeia poderosa e potente, na base de uma cidadania europeia e sobre um “Axis Atlântico” com poder e potência mundial.

                         JUAN CARLOS PIÑEIRO DOCAMPO                                                  BRUNO FIALHO

                            Membro do Conselho do PDE-EDP                                      Membro do Conselho do PDE-EDP

                               SECRETARIO-GERAL DE CxG                                                 PRESIDENTE DO PDR